Cuidado com as palavras

            Você fala e depois se arrepende? Isto significa que você precisa repensar o que você fala, com quem você fala e porque você fala. Fale menos. Fale o necessário.
            Teve um pastor que me falou algo uma vez que nunca esqueci, “quanto menos você fala, menos você peca...”. È verdade!
            È melhor você se arrepender de não falar, do que se arrepender de ter falado. Palavras ditas, não voltam.
            Para que você usa a sua boca? Para ganhar almas, ou para pecar, falar demais, se enfiar em fofocas.
            Para que você usa os seus olhos? Para olhar com maus olhos aos outros, ou para olhar com os olhos de Jesus para aquela alma, ou então para       aquele servo?
            Quando alguém estiver falando mal de outra pessoa, se afaste.
            Se você está fazendo algo que se sente mal, não faça.
             Se você está olhando com maus olhos, não olhe.
            È melhor andar sozinho (com o Espírito Santo) do que cheio de pessoas e mal acompanhado!
            È melhor você pensar do que falar!
            “Porque a boca fala do que o coração está cheio”.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Engana sim! Mas engana a você mesmo!

Na beira de um precipício

Negando o chamado e caminhando para os braços de satanás